Blog do Sigi Vilares - 7 Anos


 
 
Destaques
publicidade
classificados
+ ver todos
  Curta nossa pagína
  Publicidades
notícias
21
Jul/18

Responde aí Embasa!

Boa tarde Sigi,

Tem como você publicar um recadinho para a dona Embasa?

Gostaria de saber por que a água não tem força para subir na caixa, mas a "conta" sempre chega com força?!

Moro na Rua Rio de Janeiro, no bairro Mimoso I, em LEM.

Responde aí Embasa!

Att. Nilton César

Fonte: Blog do Sigi Vilares/Participação do Internauta
()
21
Jul/18

LEM: Assaltos constantes preocupam moradores das Acácias

Olá Sigi;

Os moradores do bairro Jardim das Acácias pedem ajuda!

Na Rua Ponta D'água, na divisa com com o bairro Vereda Tropical, nas proximidades do Restaurante do Ceará, está ocorrendo muito assalto a mão armada.

Há uma semana atrás, os bandidos usando um carro Gol bola branco encostou em grupo de pessoas que estavam na própria porta de casa e cometeram mais um assalto... O bandido ainda atirou contra alguém que graças a Deus não foi ferido.

Ontem, 20, por volta de uma 19h, meu irmão estava na porta de casa quando chegou um bandido e apontou a arma para ele, tomando o celular.

Me diz aí o que podemos fazer??? Se as autoridades de LEM não tomar providências, nos mesmo os moradores vamos armar uma cilada pra tirar esse indivíduo de circulação.

Por favor nos ajude, publique essa minha indignação, mas para se as coisas aqui melhore para nós.

Att. Moradora indignada

Fonte: Blog do Sigi Vilares/Participação do Internauta
()
21
Jul/18

Ofertas do Grupo Santo Antônio

Fonte: Publicidade
()
21
Jul/18

Oeste dá Sorte. Acredite na sua sorte

Fonte: Publicidade
()
21
Jul/18

Barreiras realiza I Encontro de Políticas e Gestão Culturais

O encontro discutiu gestão, fundo de cultura e consolidação de políticas culturais em Barreiras.











A Secretaria de Educação, Cultura, Esporte e Lazer de Barreiras por meio da Diretoria Cultura realizou nessa sexta feira, 20, o I Encontro de Políticas e Gestão Culturais de Barreiras. O evento aconteceu no Centro Cultural Rivelino Silva de Carvalho, com grupos de trabalho, debates, rodas de conversa e apresentações culturais dos Professores da Escola de Música Antoninho Sampaio e o Grupo do Reisado do Povoado Bezerro.

Na solenidade de abertura, participaram a secretária de educação de Barreiras, Cátia Alencar, o presidente da Câmara de Vereadores Gilson Rodrigues, a diretora da Fundação de Cultura do Estado da Bahia-Funceb, Renata Dias, o diretor de Territorialização da Cultura na Bahia, Sr. Wdileston Souza e o presidente do Ponto de Cultura Flor de Trovão, Gelson Vieira.

Em seu pronunciamento, a secretária de educação que no ato representou o prefeito Zito Barbosa, agradeceu a participação expressiva de representantes de comunidades culturais, religiosas, artistas, artesãos, vereadores e instituições ligadas a arte em Barreiras. Pontuou a importância da discussão da gestão cultural em toda Bacia do Rio Grande, citando as influências multiculturais mapeadas em Barreiras.

“Esse é o momento de encontro entre artistas, técnicos, produtores culturais, pesquisadores e comunidades para discutirem os rumos da cultura em Barreiras. Sabemos da diversidade que compõem nossas vivências populares, e precisamos aprender a lidar no coletivo com todas as influências culturais. Precisamos sim, sentar, debater, elencar e agir democraticamente, porque temos o fundo de cultura que será utilizado de forma participativa”, afirmou Cátia Alencar.

A diretora da Funceb, Renata Dias solicitou aos participantes que elencassem discussão em torno de um olhar de pertencimento ao “ser baiano”, com ideias e projetos que resgatem as tradições e a cultura local. Logo após, os participantes inscritos seguiram para as salas temáticas, para discutirem os 05 eixos, sendo: gestão pública da cultura, diálogos culturais; gestão democrática e conselho de cultura; fundo de cultura; plano municipal de cultura e editais de cultura.

Os projetos, sugestões e contextualização das ideais foram documentadas e serão encaminhadas para a Diretoria de Cultura do município, e posteriormente repassadas ao Conselho Municipal de Cultura e inclusas no Plano da Gestão Cultura de Barreiras, que será apresentado a comunidade.

No período da tarde, os participantes interagiram com o diretor de territorialização da Cultura, Wdileston Souza, que trouxe um painel com a palestra “Utilização do Fundo de Cultura e o Papel do Conselho de Políticas Culturais”. O palestrante falou do papel do estado, dos municípios e artistas, e também do papel dos conselhos gestores de política na construção de um modelo no campo da cultura.

Para finalizar os debates, a mesa redonda com o tema “Projetos e Editais: captação de recursos e contratações” foi mediada pelo coordenador da controladoria da prefeitura, Alexandre Machado, a diretora da Funceb, Renata Dias e o presidente do ponto de cultura Flor de Trovão, Gelson Vieira, que trouxeram uma abordagem objetiva e introdutória aos assuntos de política cultural; legislações culturais; inserção de projetos culturais no governo estadual e federal; mecanismos de fomento e financiamento.

No final, o Reisado tradicional do povoado do Bezerro, trouxe a marcação dos instrumentos, a riqueza cultural e a mesclagem dos cânticos e dança. Constituído com um dos mais tradicionais folguedos folclóricos, que perpassa de geração em geração no povoado e adquiriu características própria e uma identidade cultural dos moradores, sem deixar de preservar o enredo principal, que é a dramatização da visita dos três reis magos ao Menino Jesus.

Fonte: DIRCOM
()
21
Jul/18

Comunicado Embasa para a população de LEM

Fonte: Embasa
()
21
Jul/18

Hoje tem encontro de Amigos no Picanha

Fonte:Publicidade
()
21
Jul/18

Pecuária cresce no Oeste Baiano

Produção de grãos muda perfil da criação de gado na região



Em pleno cerrado, numa das maiores fronteiras agrícolas do Brasil, os campos exibem um rebanho numeroso. Já são 2 milhões de cabeças de gado no oeste da Bahia. O número de pecuaristas na região ultrapassa os 220 criadores de animais. Este pedaço do estado, formado por 31 municípios, abriga uma pecuária cada vez mais forte. E não é qualquer rebanho. O plantel reúne animais de alta genética, com predomínio da raça Nelore.

“A nossa região é de genética, de cruzamento e de alto valor agregado, onde o criador consegue ter uma rentabilidade maior”, afirma Stefan Zembrod, Presidente da Associação de Criadores de Animais do Oeste da Bahia, a Acrioeste.

Mas nada é por acaso. Os produtores rurais estão investindo na pecuária com base em um negócio que envolve estratégia de logística. Muitas fazendas de criação de gado estão nos municípios de São Desidério, Barreiras e Luiz Eduardo Magalhães. A região é a que mais produz grãos na Bahia, principalmente soja e milho, bases da ração animal. Assim, ao invés de levar o alimento até o gado no alto sertão, eles levam os animais até onde está a comida.

“A pecuária vem ganhando força por conta disso. Nossa região é favorecida por ser produtora de milho. Isso influencia inclusive na questão do frete. Sai bem mais em conta e gasta menos com transporte”, acrescenta Zembrod.

Com as plantações tão perto, a ração no Oeste chega a ser 20% mais barata do que em outras partes do estado, onde não há produção de grãos.

A estratégia está mudando o perfil da pecuária da região. O pecuarista que antes enviava bezerro para engordar em Feira de Santana e no Recôncavo Baiano, agora realiza o ciclo completo: cria, recria e engorda. O gado é enviado para abate em agroindústrias de várias regiões do Estado.


A raça predominante no Oeste é a Nelore, gado de corte (foto: Georgina Maynart)

Precisão - A tecnologia está cada vez mais presente nas fazendas de pecuária do Oeste. Na Captar, a cerca de 30 quilômetros de Luiz Eduardo Magalhaes, um sistema moderno de produção se espalha por toda a propriedade. Ele inclui rastreadores de animais, computadores de bordo nos caminhões que fazem a distribuição de ração nos cochos, reutilização da água da chuva, além de equipamentos que permitem a programação eletrônica das máquinas na fábrica de ração.

Segundo Almir Moraes, dono da fazenda, o uso da tecnologia é priorizado. “O que existe de tecnologia no Brasil é usado aqui. Tudo é automatizado. Inclusive nós usamos um sistema pioneiro no país que é o SAP. Ele tem uma base única, que compila todas as informações de estoque, ganho de peso, alimentação”, diz Moraes, que usa os conhecimentos de engenheiro civil para melhorar a produção da fazenda.

Foi assim que ele instalou na propriedade um sistema sustentável de reúso dos resíduos. Tubulações subterrâneas direcionam tudo o que os animais produzem para lagoas de decantação. Os resíduos acumulados são transformados em adubo orgânico e se transformam em mais uma fonte de renda da empresa. O adubo está sendo vendido em saquinhos.

Confinamento - O confinamento é o sistema usado para engordar o rebanho. Como o próprio nome sugere, ao contrário da pastagem, os animais confinados só podem circular por uma área delimitada, assim acumulam energia e apressam o ganho de peso. O tempo de engorda cai pela metade.

“Enquanto na pastagem o animal pode adquirir até 5 a 6 arrobas em um ano, no confinamento ele ganha até 7 arrobas em 100 dias”, explica o zootecnista José Feliciano Neto.

A propriedade tem capacidade para confinar até 30 mil cabeças de gado de uma só vez. Atualmente, são 12.600 cabeças.


A pecuária do Oeste é bastante mecanizada, mas ainda emprega gente como Antônio Teixeira, vaqueiro hpá 30 anos (Foto: Georgina Maynart)

É que apesar da utilização maciça de tecnologia, a mão-de-obra conta com o profissionalismo dos vaqueiros. São pessoas como Antônio Teixeira, vaqueiro há mais de 30 anos, que ajuda a guiar os animais que ficam, eventualmente, soltos no pasto. “A gente cuida para não deixar sair para o curral, ou pular para o pasto dos outros!"

A raça predominante no Oeste é a Nelore, gado de corte, voltado para produção de carne e utilizado para melhoramento genético. A raça é originária da Índia e foi trazida para o Brasil no final do século XVIII. Os nelores têm tolerância ao calor, possuem alta fertilidade e se adaptam bem aos trópicos, demonstrando resistência a doenças e pragas.

Fonte:Correio 24 horas
()
21
Jul/18

Bahia é certificada por 75% da produção de algodão sustentável

A qualidade diferenciada do algodão baiano é conhecida em todo o Brasil. Segundo maior produtor do país, o estado teve recentemente 75,6% de sua produção de algodão certificada como sustentável pelo Programa Algodão Brasileiro (ABR) da Associação Baiana dos Produtores de Algodão (Abapa), que atua com o licenciamento pela entidade suíça Better Cotton Iniciative (BCI).

Nesta safra 2017/2018, um total de 191.586,00 hectares de área abrangendo 53 propriedades de agricultores foi certificado. Desde o início dos trabalhos do ABR, em 2011, houve uma evolução considerável, tendo a certificação dos produtores baianos passado de 21,1% para os atuais 75,69%. “Com os resultados favoráveis dos produtores diante do mercado consumidor, existe o interesse dos demais produtores em obter a certificação”, explica a coordenadora do Programa da área de sustentabilidade da Abapa, Bárbara Bonfim.

Com 100% da área certificada, a produtora rural Alessandra Zanotto, de Luís Eduardo Magalhães (BA), vê o programa como um suporte ao pontuar todos os itens para cumprimento das legislações e de outras questões ligadas à sustentabilidade. “Embora muitos itens não sejam uma exigência legal, o cumprimento na rotina vem colaborando para a adoção de boas práticas que melhoram a produtividade e o relacionamento com os nossos funcionários, fornecedores e clientes”, afirma.

Critérios - Para obter a certificação, as propriedades rurais devem comprovar excelência em boas práticas, como respeito aos trabalhadores no campo (cumprimento de normas de saúde e segurança) e preservação do meio ambiente. Parte desses critérios é fiscalizada também pelo Governo do Estado.

Por meio do Instituto do Meio Ambiente e Recursos Hídricos (Inema), o Estado concede as licenças ambientais e conscientiza, com fiscalizações, os produtores sobre a importância da preservação de nascentes e reservas legais. Responsável pelas autuações na esfera fitossanitária, a Agência de Defesa Agropecuária (Adab), autarquia do Governo do Estado, fiscaliza a data limite de plantio, condução da cultura quanto ao controle de pragas, rotação de culturas, bem como o uso correto de agrotóxicos.

A Adab também acompanha o Programa do Bicudo, da Abapa, que tem como objetivo combater o bicudo (Anthonomus grandis), praga com elevado potencial de destruição, do início ao final da cultura do algodão, e que é motivo de preocupação constante para os produtores da região oeste e sudoeste da Bahia.

Incentivo - Os cotonicultores que estiverem cumprindo as normas do Inema e da Adab poderão ter acesso aos recursos do Programa de Incentivo à Cultura do Algodão (Proalba), um dos instrumentos de política agrícola do Governo do Estado que concede incentivo de até 50% do ICMS devido sobre a comercialização do algodão no mercado interno, desde que o produtor atenda aos requisitos tecnológicos, fitossanitários e de qualidade estabelecidos pelo programa.

De acordo com Armando Sá, especialista em meio ambiente e recursos hídricos da Secretaria de Meio Ambiente (Sema) e ex-diretor da Adab, o Governo do Estado criou o Proalba com o objetivo de incentivar o aumento da área cultivada com algodão. “O produtor de algodão é um exemplo de empresário rural, e o Proalba permitiu que ele demonstrasse sua competência para manter esse alto nível de qualidade e produtividade da pluma produzida na Bahia”, pontua.

Fonte:SECOM/BA
()
21
Jul/18

Novas ofertas do Grupo Marabá pra você economizar




Fonte: Informe publicitário
()
21
Jul/18

Chegou em LEM, o AMERICAN PARK

Preços: De terça a sexta das 18h às 22h. R$ 20,00 e você pode brincar por até 2 horas, quantas vezes quiser e puder. Sábados, Domingos e feriados: Funciona das 16h às 22h.

Compre o passaporte da alegria e brinque por até 2 horas quantas vezes quiser e puder.

Clique AQUI para visitar nossa página no facebook

Fonte: Informe publicitário
()
21
Jul/18

Promoção Especial do Grupo Santo Antonio!!! O Lugar Certo para Você e sua Família!!!

Fonte: Informe publicitário
()
21
Jul/18

Hoje tem feijoada na ANTONIETTA

Fonte: Informe publicitário
()
21
Jul/18

PARA TODOS Supermercados. A gente trabalha pra você fazer economia

Fonte: Informe publicitário
()
21
Jul/18

TUKA´S BURGER... Venha almoçar com a gente!

Fonte: Informe publicitário
()
21
Jul/18

PARA TODOS Supermercados. A gente trabalha pra você fazer economia

Fonte: Informe publicitário
()
21
Jul/18

Seu almoço hoje é na Churrascaria Porco à Paraguaia

Hoje tem porco à paraguaia



















Quer almoçar bem fora de casa e com um sabor genuinamente caseiro? Venha conhecer a "Churrascaria Porco a Paraguaia "

Aqui você encontra um ambiente amplo e agradável para você e sua família. Nos finais de semana servimos o "Porco à paraguaia" acompanhado de uma boa música ao vivo. Fazemos e locamos espaço para eventos.

Churrascaria Porco à Paraguaia - Rua Castro Alves, esquina com a Rua Mato Grosso, no centro de Luís Eduardo Magalhães. Telefone: 77 9.9923 7956.

Não abrimos na segunda.

Fonte: Informe publicitário
()
21
Jul/18

Super Mercadona. Ofertas para o seu Pai economizar!

Fonte: Informe publicitário
()
21
Jul/18

Restaurante São Francisco - Comida caseira de qualidade e sabor









O Restaurante São Francisco está localizado no cruzamento da Rua Irará com a Avenida Enedino Alves da Paixão, em frente a BR 242, no bairro Santa Cruz, na cidade de LEM.

Venha saborear a melhor e a mais saborosa comida da cidade. Aos sábados servimos aquela feijoada. Restaurante São Francisco, mais um empreendimento do seu amigo Chicão.

Fonte: Informe publicitário
()
21
Jul/18

Fim de Semana Hiper Bacana

Fonte: Publicidade
()
21
Jul/18

LEM: Homem tenta suicídio durante discussão com família no Mimoso II







Na noite desta sexta-feira, 20, por volta das 19h50, um homem identificado como Elisvaldo Daniel Borna, de 29 anos, tentou suicídio efetuando um golpe de faca no abdome.

A ocorrência ocorreu na Rua Ottomar Schwengber, no bairro Mimoso II, na cidade de LEM. De acordo com informações obtidas pelo Blog do Sigi Vilares, durante uma discussão entre família Elisvaldo pegou uma faca e se esfaqueou.

Uma equipe do SAMU foi até o local e socorreu Elisvaldo para a UPA.

Fonte: Reportagem de Weslei SantosBlog do Sigivilares
()
20
Jul/18

Lavrador morre afogado em Correntina

Na tarde de ontem, quinta-feira, 19, por volta das 15h, o lavrador Josias Dias de Souza, de 51 anos, foi encontrado morto dentro de um córrego no Povoado de Vereda Grande, zona rural de Correntina.

A provável causa de sua morte é de afogamento. Após pericia, o corpo foi removido para o IML de Barreiras para necropsia.


Fonte:Reportagem de Jadiel Luiz/Blog do Sigi Vilares
()
20
Jul/18

Homem morre após grave acidente na Serra do Ramalho



Um motorista de 58 anos morreu na noite de quarta-feira, dia 18 após sofrer um acidente automobilístico na estrada entre a Agrovila 12 e Agrovila 13, no município de Serra do Ramalho.

O corpo da vítima identificada como sendo de Joaquim Maciel de Souza, natural de Serra do Ramalho foi encaminhado, hoje sexta-feira, dia 20 para o Instituto Médico Legal (IML) de Barreiras, onde vai passar por exames de necropsia.

Não há mais informações sobre o acidente.

Fonte:Reportagem de Jadiel Luiz/Blog do Sigi Vilares
()
20
Jul/18

Venha para Árabe & Pizza ou peça no Delivery... A Entrega + Rápida da Cidade!!

Fonte:Publicidade
()
20
Jul/18

Formada Comissão Eleitoral para eleições do SPRLEM



Criada Comissão Eleitoral e Julgadora responsável pela condução do processo eleitoral a Diretoria Executiva e Conselho Fiscal para o triênio 2019 a 2021 do Sindicato dos Produtores Rurais de Luís Eduardo Magalhães - SPRLEM. A comissão é composta pelos seguintes membros: Carlos César Cabrini, Suzana Murtele Viccini, Abel César Silveira Oliveira, Moacir Hoppe e Grasiela Olivo Bergamaschi.


A Comissão Eleitoral Julgadora foi definida em reunião da Diretoria Executiva em 05 de julho de 2018, com base no artigo 44º, parágrafo 2º do Estatuto Social do SPRLEM.

As eleições para nova Diretoria e Conselho Fiscal acontecerão no dia 10 de outubro de 2018.

No dia 16 de julho de 2018, a presidente do Sindicato dos Produtores Rurais de Luís Eduardo Magalhães, Carminha Missio nomeou a Comissão Eleitoral para as próximas eleições do Sindicato.

Fonte:ASCOM – Sindicato dos Produtores Rurais de Luís Eduardo Magalhães – SPRLEM
()